Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Bonita ou comum?

por Marisa Furtado, em 08.04.15

Se tivessem de escolher entre duas portas, uma que diz 'bonita' e outra 'comum', por qual entrariam? Foi este o desafio que a Dove colocou a várias mulheres em Shangai, São Francisco, São Paulo, Londres e Nova Deli. Apesar de muitas escolherem, sem hesitar, a porta 'comum' outras há que escolheram a 'bonita', não só por se acharem condignas de por ali passarem mas também como forma de statement. Estão a dizer ao mundo que sim, elas são bonitas. Ponto. Já viram o quão importante isto é? Todos os dias as mulheres são obrigadas a fazer escolhas, umas mais fáceis que outras, em relação ao trabalho, à família e sentirem-se bonitas também devia ser uma dessas escolhas. O objectivo desta experiência é levar as mulheres a aceitarem a sua beleza, não só para elas próprias mas para o mundo.
Quando comecei a ver o vídeo pensei que se fosse eu entraria pela que diz 'bonita', mas logo a seguir voltei atrás. Porquê? Por vergonha de parecer pretensiosa. Já viram o quão parvo isto é? Por medo do julgamento de terceiros, ou de estar a ofender alguém com a minha bold choice. Porque a verdade é essa. Se entrarmos pela 'comum' quem está do outro lado é bem capaz de soltar um piedoso "Oh, coitada. Ainda por cima é tão gira!", mas se mostrarmos um bocadinho de confiança somos logo olhadas de lado, como se fosse uma atitude estranhíssima e condenável, especialmente - e infelizmente - por outras mulheres. Às vezes parece que só a falsa modéstia é vista com bons olhos.
Durante alguns anos, naquela fase deprimente que é a adolescência, não tinha confiança em mim. Estava constantemente a comparar-me com as minhas colegas que eram sempre as mais giras, as mais altas, as que tinham as melhores roupas, os cabelos mais bonitos e brilhantes, eram as mais populares, and so on. É mesmo verdade que a idade traz sabedoria, valha-nos isso! Com os anos essa fase de patinho feio foi desaparecendo até chegar onde estou hoje. Tenho plena consciência dos meus defeitos e das minhas qualidades e overall até acho que sou uma pessoa interessante, com coisas para dizer que valem a pena ser ouvidas, e, na maior parte dos dias, gosto da imagem que o espelho me devolve. É claro que tudo isto é um work in progress. Há dias em que parece que está tudo contra mim: nada me fica bem, de repente todas as peças de roupa que tenho no armário são horrorosas, as olheiras não desaparecem independentemente das camadas de corrector que lhes ponha, o cabelo parece sem vida e cheio de jeitos estranhos... creio que toda a gente tem dias destes. Mas lá está, o importante é conseguir fazer uma pausa no meio destas neuras e ver as coisas com clareza. Por isso, hell no. Entraria pela que diz 'bonita', sim senhora. Porque apesar de não ser perfeita - alguém é? - gosto de mim e isso já faz de mim uma pessoa bonita. Feio é ter vergonha de o admitir. Choose beautiful.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:31

Divulgação | NIT: Uma Time Out mas melhor!

por Marisa Furtado, em 26.07.14

É bom começar o dia com boas notícias, e hoje foi isso mesmo que aconteceu. O Ricardo Martins Pereira, do blog O Arrumadinho, sem o saber, deu vida ao meu projecto de sonho: uma plataforma sempre em cima dos acontecimentos da cultura urbana. Uma espécie de Time Out mas muito mais abrangente, porque cobre os acontecimentos de Norte a Sul, e muito mais fácil de consultar porque é um site! Adorei a ideia e desejo o maior sucesso às pessoas que o pensaram. Podem ler a história aqui. Que Setembro chegue rápido!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:30

Já perdi a conta às vezes em que passo a semana inteira a desejar o fim-de-semana e depois, quando ele finalmente chega, fico em casa a olhar para as paredes sem saber o que fazer. Como não tenho nada planeado de antemão, o que acontece é acabar por fazer qualquer coisa que implique gastar dinheiro. "E se fossemos tomar um brunchzinho, ou ao cinema, ou experimentar aquele restaurante novo, ou à Zara, que já lá não vamos há duas semanas e de certezinha que as lojas já estão recheadas de coisas novas?" Todos estes são bons planos mas nada simpáticos para a nossa carteira que chega a esta altura do mês quase vazia, que desespero!! Se também sofrem deste mal podem relaxar que tenho duas sugestões bem simpáticas e a custo zero! 


Foi preciso começar a primavera para o S. Pedro ter um ataque de mau feitio e só nos presentear com frio e nuvens ameaçadoras. Segundo os senhores meteorologistas que, como se sabe, nunca nos enganam e fazem sempre previsões certeiras, no sábado vamos ter que andar o dia todo a desejar que não chova, tal a quantidade de nuvens cinzentas que vão aparecer por cima das nossas cabecinhas, mas no domingo já vamos ter solinho do bom. O frio é que vai ser uma constante. Também não podemos querer tudo não é? Bom, vamos às sugestões. No sábado, se não quiserem ficar fechados em casa armados em calimeros com medo de umas gotinhas de chuva, aconselho que façam uma visita ao Museu Berardo que é provavelmente uma das melhores ideias que alguém teve para a cidade: um museu de arte contemporânea que para além da interessantíssima Colecção Berardo tem ainda exposições temporárias bem originais. É verdade que às vezes são coisas assim a atirar para o pretensioso mas também uma pitada de pretensiosismo nunca fez mal a ninguém. O melhor de tudo? É grátis! Fui lá no passado fim-de-semana e gostei da nova temporária que lá está, sobre a publicidade no século XX, "O Consumo Feliz". Quem, como eu, se interessar pela cultura pop vai adorar a exposição.


 


 































Se estão a planear uma festa ou a pensar nisso para o sobrinho que vai fazer 6 anos, aquela idade mesmo boa em que começam a ficar insuportáveis e que só termina lá para os 20, ou um baby shower para a amiga que está grávida, um baptizado ou até mesmo um casamento!, a Fábrica Militar de Braço de Prata é o sítio onde devem ir no domingo. É ali, a partir das 15h, que vai arrancar oficialmente o projecto Gosto de Ti. As mentoras são a Rita e a Raquel, duas irmãs que vieram ao mundo para uma coisa muito simples: tornar os vossos sonhos realidade. Que mais querem? Com elas qualquer festa, da mais simples à mais requintada, é personalizada e pensada ao pormenor tendo em conta as exigências do cliente. Apareçam no evento e dêem largas à vossa imaginação.













 


 


 


 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:15

Campanha | Jennifer Lawrence para Dior

por Marisa Furtado, em 25.02.14

Como se já não tivéssemos razões suficientes para amarmos a lindíssima Jennifer Lawrence ela dá-nos mais uma. No tom divertido e descomplexado a que já nos habituou admitiu, com toda a naturalidade, que as fotografias da campanha para as malas Miss Dior foram retocadas com o Photoshop, sublinhando que é impossível alguém ter aquele aspecto imaculado sem a ajuda do milagroso programa. You go girl! O que é certo é que, com ou sem retoques, esta miúda está sempre gira e tem imensa pinta. Loira ou morena. Com cabelo curto ou comprido. Adoro que assuma aquela postura goofy e que não tente passar a imagem de mulher perfeita. Boring... 


A colecção Miss Dior é lindíssima e foi pensada para as mulheres jovens e decididas dos nossos dias. São versáteis, tanto podem ser usadas na mão como rapidamente passam para o ombro e, como estas pessoas não brincam em serviço, foram feitas para chegar ao coração de todas as mulheres que, agora, têm à disposição uma infindável variação de cores. Como por estes lados o dinheiro está longe de dar para comprar uma destas preciosidades fico-me pela contemplação, com maior incidência na beige e na rosa choque (suspiro).


 


 

































 


 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:25


talk to me!

theallengirlblog@gmail.com

Mais sobre mim

foto do autor


passaram por cá



no tumblr

Allen girl

no polyvore

my Polyvore

no pintarest

Pinterest

Follow


Posts mais comentados


Comentários recentes

  • Sara

    Desculpem mas eu AMEI este champo seco. Comprei em...

  • Carla Marques

    E os comentários dos defensores do piropo no Faceb...

  • isabel

    Quem consegue sair de casa e deixar para trás um r...

  • Marisa Furtado

    Não! Apeteceu-me apenas mudar-lhe o nome e o visua...

  • Pedro Neves

    Por momentos pensei que o blog estaria de saída do...



Pesquisar

  Pesquisar no Blog