Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Rota dos restaurantes | To.B

por Marisa Furtado, em 05.08.14

Há muito que queria ir ao To.B - To burguer or not to burguer, no Chiado. Fica mesmo em frente ao meu sítio favorito para "brunchar", o Kaffeehaus, e por isso não foram poucas as vezes em que, mesmo com um delicioso brunch austríaco à frente, me indaguei sobre aquele restaurante sempre cheio de gente do outro lado da rua. Na passada quinta-feira estava com a neura do fim das férias e, por isso, achei que era o dia ideal para ir experimentar esta nova hamburgueria. Não há nada melhor que uma boa dose de comfort food para curar neuras. Assim que entrei fiquei logo embasbacada a olhar para a decoração que, vim a saber depois, é toda ela composta por materiais reciclados. Aqui me confesso: para além da curiosidade para experimentar a comida destes restaurantes novos tenho também imensa vontade de lhes espreitar a decoração. Acabo quase sempre por tirar ideias giras para a decoração lá de casa e no To.B não foi excepção. O espaço, não sendo enorme, está muito bem aproveitado; a-do-ro as cadeiras desirmanadas que dão ao restaurante um ar careless e desarrumado, mas com estilo. Melhor que isso só a loiça desirmanada que se vê em alguns restaurantes. Acho giríssimo ter um prato de cada nação mas dentro do mesmo estilo e estou a pensar seriamente em implementar isso lá em casa. Adeus pratos azuis e enfadonhos do IKEA. Bom, mas estava a falar da decoração do To.B: é tudo muito minimal, acolhedor e bonito e transportou-me para a decoração das casas do norte da Europa, onde é tudo muito recto e arejado. Ah, e o mais importante: não é nada barulhento! Chegámos por volta das 14h e a sala estava bastante composta mas não se ouvia aquele sururu incomodativo que é uma constante, por exemplo, no Honorato. E por falar em Honorato... os hambúrgueres! A minha última experiência no Honorato foi muito agradável, graças ao hambúrguer com queijo gorgonzola, e por isso achei que seria muito difícil alguma coisa igualar ou superar isso. Mas, meu amigos, superou. Oh se superou! Pedi um Honey Goat, com queijo de cabra e mel e o meu homem pediu o To.B, com bacon, queijo e cebola caramelizada. Só há uma palavra para descrever esta experiência: orgásmica. É assim que chego à conclusão que, também nisto dos hambúrgueres, menos é mais. Os do To.B são simples, não vêm atulhados de ingredientes e, por isso, não se anulam uns aos outros, sentimos o sabor de tudo o que compõe cada um, e são verdadeiramente deliciosos e nada enjoativos. Quando acabei de comer não me senti enfartada, que é o normal quando se vai comer este género de coisas, por isso ainda houve espaço para aquele maravilhoso crumble de maçã que, e sei que me estou a tornar repetitiva mas tem mesmo que ser porque é verdade, não é nada enjoativo. Estava à espera de uma coisa muito doce que tivesse de pôr de lado ao fim de três colheradas mas não. A parte da bolacha é a mais docinha mas a da maçã é muito suave e leve, com um discreto sabor a canela. É obrigatório pedirem esta sobremesa quando lá forem. Não se vão arrepender e vão ficar surpreendidos o que, a meu ver, é o que se espera da comida. Que nos surpreenda. 


 




O Honey Goat





O To.B





E o levíssimo crumble de maçã





Tenho de ser sincera: gostei mais do To.B do que do Honorato. Pela zona muito central e movimentada, pelo espaço arejado e pela comida que não me deixa a rebentar pelas costuras. Os preços são ligeiramente mais inflaccionados: no Honorato o hambúrguer mais barato é 5.90€ e aqui não se consegue comer um por menos de 6.80€, mas não acho que seja uma coisa incomportável. Pela qualidade da comida que nos é servida fico mais que feliz por pagar 2€ ou 3€ a mais. A ementa foi elaborada pelo chef Alexandre Silva, vencedor do Top Chef da RTP, e pode ser consultada aqui. Não se acanhem e passem pelo To.B para experimentarem estas e outras delícias.


Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:06


5 comentários

Sem imagem de perfil

De Johnny a 09.08.2014 às 20:24

Hamburgueres do melhor que se encontra em Lisboa.
Espaço muito acolhedor, serviço impecavel. Está sempre toda a gente com um sorriso.
Conhecendo o restaurante só estranho ver o nome do Alexandre Silva que pouco ou nada fez para este restaurante.
Sem imagem de perfil

De Marisa Furtado a 09.08.2014 às 22:50

O chef Alexandre Silva criou todos os pratos da ementa.
Sem imagem de perfil

De Johnny a 23.08.2014 às 16:54

Acho que se devia informar melhor.
Trabalhei nesse restaurante no inicio, e posso afirmar com toda a certeza que o Alexandre Silva criou a referida salada Alex ( a qual foi alterada passado pouco tempo ) e mais nada.
Estão a retirar mérito àqueles que bem o merecem.
Sem imagem de perfil

De Ana Sofia Santos a 23.08.2014 às 17:27

Cara Marisa Furtado

Da experiência, parafraseando, "orgásmica" relatada neste texto, o hamburger "Honey Goat" bem como o crumble de maçã, são única e exclusivamente fruto da criatividade e do trabalho árduo do Chef Tomás Vasconcellos.

O hamburger "To.B", que dá nome a esta casa, foi elaborado pelo Chef acima mencionado em parceria, ainda que não igualitária, com o Chef Alexandre Silva.

Este último colaborou numa fase muito inicial no restaurante To.B mas o autor desta ementa bem como o actual (e único) Chef desta hamburgeria (e não só) chama-se Tomás Vasconcellos.

Aconselho, como o comentador acima referiu, uma pesquisa mais criteriosa aquando das publicações efectuadas. Tal pode começar por uma visita à página do Facebook do To. B, cujo link aqui deixo: https://www.facebook.com/to.Bburger?fref=ts

Cumprimentos

Ana Sofia Santos
Imagem de perfil

De Marisa Furtado a 23.08.2014 às 18:31

Se de facto foi o Chef Tomás Vasconcellos que criou aqueles pratos, os meus parabéns. Conseguiu criar os melhores hambúrgueres que comi até hoje em Lisboa.
Antes de escrever o post li as reportagens do Dinheiro Vivo, da Saber Viver, da Time Out, do Expresso e da Notícias Magazine, que podem ser consultadas na página de Facebook que tão gentilmente aqui deixou, e, pelo que pude perceber, até Abril deste ano continuavam a sair publicações com a mesma informação.
Não estou aqui para tirar o mérito a ninguém como é lógico, mas se querem corrigir esta informação podiam começar por fazê-lo na própria página do Facebook onde estão os recortes de imprensa que fazem referência a outro Chef.

Comentar post



talk to me!

theallengirlblog@gmail.com

Mais sobre mim

foto do autor


passaram por cá



no tumblr

Allen girl

no polyvore

my Polyvore

no pintarest

Pinterest

Follow



Comentários recentes

  • Carla Marques

    E os comentários dos defensores do piropo no Faceb...

  • isabel

    Quem consegue sair de casa e deixar para trás um r...

  • Marisa Furtado

    Não! Apeteceu-me apenas mudar-lhe o nome e o visua...

  • Pedro

    Por momentos pensei que o blog estaria de saída do...

  • Restaurante A Mexicana

    Sr. Miguel Diniz, obrigado pelo elogio!Quanto ao p...



Pesquisar

  Pesquisar no Blog