Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Odeio as Finanças

por Marisa Furtado, em 27.05.14

Vocês nem imaginam a camada de nervos que eu já apanhei por causa do reembolso do IRS. Esta novela remonta ao início do mês da Abril quando entreguei a minha declaração de IRS. Fiquei descansada sabendo que tinha entregue tudo direitinho e dentro do prazo e descansada fui para Bruxelas, dia 8 de Maio. No dia 12 diz-me o meu homem todo contente no hotel: "Já recebi o reembolso do IRS!" Fui a correr consultar a minha conta, afinal entregámos os documentos ao mesmo tempo, faria todo o sentido recebermos o reembolso também no mesmo dia. Mas não. Na minha conta não tinha caído nada. Fui ao site das Finanças e a informação que lá estava era que o reembolso tinha sido emitido dia 5 de Maio. Torci o nariz mas como estava na Bélgica não havia grande coisa que pudesse fazer, por isso resolvi ignorar e esperar que alguma coisa mudasse até ao dia do regresso. Dia 14, já em Portugal e ainda sem reembolso, liguei para as Finanças. Do outro lado atendeu uma senhora.


 


Tentativa n.º 1:


- Bom dia. Estou a ligar porque no vosso site tenho a informação que o meu reembolso foi emitido dia 5 mas eu ainda não recebi, o que é estranho porque o meu namorado...


- Não faça comparações com o seu namorado! Nem com as suas amigas! Cada caso é um caso.


- Pois... mas nós entregámos as declarações ao mesmo tempo. Não é estranho ele ter recebido há 3 dias e eu não?


- Não! Se ele já recebeu é porque com os documentos dele correu tudo bem e teve sorte. Pronto, ainda bem para ele!


Não acham isto extraordinário? Nas Finanças, ao contrário dos outros sítios, quando as coisas correm bem é porque foi uma questão de sorte. Aquelas pessoas até devem ficar assim meio abananadas quando deste lado ninguém se queixa.


Dei o meu número de contribuinte a esta senhora tão despachada e que prontamente me respondeu.


- Pois. De facto aqui diz que já foi emitido. E no sistema até diz que foi dia 2 e não dia 5! Nos próximos dias deve receber. Esteja atenta à sua conta.


E foi isso que eu fiz. Estive atenta à minha conta até ao dia 21, dia em que voltei a ligar.


 


Tentativa n.º 2:


- Bom dia. A semana passada liguei para saber do meu reembolso, que foi emitido dia 2 ou 5, ainda não percebi, mas que ainda não me chegou à conta. A sua colega disse-me para esperar uns dias mas ainda não aconteceu nada.


- Pois. A informação que tenho aqui é que o reembolso foi emitido dia 5 mas que foi recusado pelo banco. Deve haver algum problema com o NIB.


- Problema com o NIB? O NIB que está no site das Finanças é o mesmo para onde vocês enviaram o reembolso o ano passado e para onde vai o meu ordenado todos os meses. Não vejo que erro possa haver.


- Se calhar o NIB está incorrecto. Ou já não é o mesmo.


- Eu estou a verificar neste momento o NIB que está no vosso site com o que está no meu banco e é exactamente o mesmo. Está correcto e a funcionar como deve ser.


- Pois não sei. Mas olhe, foi emitido um cheque no dia 17 de Maio com o valor do reembolso. O mais tardar até dia 26 terá o cheque na sua morada.


Eu, já a prever que as coisas iam continuar a correr mal, aventuro-me: 


- Então e se o cheque não estiver em minha casa nessa data?


- Se por acaso acontecer alguma coisa, se a carta for extraviada por exemplo, pode pedir uma segunda via. Mas só a partir do dia 17 de Julho, que é quando a validade desse cheque termina.


Matem-me já!!!


Dia 26 abro o correio e tenho uma carta das Finanças. "É o reembolso! É o reembolso! É o reembolso". Não era. Era uma notificação de liquidação de IRS onde dizia, com todas as letrinhas, que o reembolso já tinha sido concretizado por transferência bancária para o NIB acima identificado. Olhei para cima e qual não foi o meu espanto quando percebi que o NIB que lá estava não era o meu! Não sei de quem era, ou onde é que aquela gente o foi buscar, mas não era meu. Não foi o que lhes forneci quando preenchi a declaração nem é o que está no site deles.


 


Tentativa n.º3:


Expliquei tooooooda a situação.


- (...) e pronto, supostamente já devia ter recebido o cheque mas só recebi esta carta com este NIB estranho.


- Só um momento. 


Vinte e nove minutos depois - 29!!!!!!!!!! - ainda estava de telefone colado à orelha com a porra da música a tocar. Comecei a imaginar que o rapazinho, assim que me pôs em espera, levantou o traseiro da cadeira para ir tomar um cafezito com os colegas e se esqueceu de mim.  Trinta e cinco - 35!!!!!! - minutos depois assumi que de facto aquela pesseoinha tinha ido à vida dela e me tinha deixado ali pendurada.


Desliguei a chamada e voltei a ligar.


 


Tentativa n.º 4:


Expliquei, novamente, toooooda a situação.


- Sim, de facto está aqui a informação de que o cheque foi emitido dia 17 de Maio, só que ainda não saiu dos nossos serviços.


- Olhe, desculpe lá, mas esta já é a quarta vez que vos ligo e em cada novo contacto vejo o meu reembolso cada vez mais longe de me chegar às mãos.


- (risos)


- ...


- Mas agora já sabe o que se passa. Ele ainda está nos nossos serviços e quando sair terá o cheque em casa 2 ou 3 dias depois.


- Claro. Mas como é que uma coisa que foi emitida dia 17 no dia 26 ainda não saiu dos vossos serviços?


- Não sei.


- E sabe dizer-me quando é que ele sai daí?


- Não lhe consigo dar essa informação.


- ...


- ...


- Não se esqueceram dele pois não? Já anda perdido no meio da vossa papelada?


- (risos). Não, não. Esteja descansada que ele não está esquecido. 


 


Qualquer pessoa, por mais sã que seja, desenvolve instintos assassinos com esta gente! É que eu quase que ponho as mãos no fogo em como estas coisas não acontecem a quem tem reembolsos chorudos. Aposto que essas pessoas receberam tudo no dia que era suposto, e eu, que fiquei toda contente porque ia ter um reembolso simpático, que já dava para pagar metade da renda, ando aqui a penar há quase um mês por causa da incompetência daquelas pessoas. Isto tira-me anos de vida. Anos!!!


To be continued... for sure.


 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:34


6 comentários

Sem imagem de perfil

De Rita Rodrigues a 27.05.2014 às 11:53

Boa sorte! :)
Sem imagem de perfil

De Magda L Pais a 27.05.2014 às 14:12

Considerando que a minha avó morreu há quatro anos e que foi tudo participado às finanças nos prazos legais, e que as finanças me continuam a mandar emails para ela... já espero tudo.

Se calhar não era mais pensado ir à sua repartição de finanças, pedir explicações e pedir o livro de reclamações.
Sem imagem de perfil

De Magda L Pais a 27.05.2014 às 14:16

Voltei... porque me lembrei que, aqui há uns anos, aconteceu-me mais ou menos a mesma coisa. depois de muito analisar e pensar, conclui que o NIB para onde tinham enviado as massas era duma conta do meu marido (1º titular do IRS) que ele não usava há quase 7 anos .. felizmente a conta ainda estava aberta e foi só ele ir ao balcão do banco e levantar as massas (por acaso, mas só por acaso, não havia despesas na conta)
Sem imagem de perfil

De isaefe a 27.05.2014 às 14:47

Sem imagem de perfil

De partebilhas a 27.05.2014 às 16:22

Gostei.
Sem imagem de perfil

De momentosdisparatados a 27.05.2014 às 16:31

Eu estaria doida de todo com a situação. IRS, finanças, segurança social deixam-me nervosa.
Quando submeti o meu e passado poucos dias vima saber que havia algo mal imaginei que iria levar meses para o receber. Felizmente a coisa correu bem e pouco mais de 20 dias estava na conta.
Boa sorte

Comentar post



talk to me!

theallengirlblog@gmail.com

Mais sobre mim

foto do autor


passaram por cá



no tumblr

Allen girl

no polyvore

my Polyvore

no pintarest

Pinterest

Follow



Comentários recentes

  • Carla Marques

    E os comentários dos defensores do piropo no Faceb...

  • isabel

    Quem consegue sair de casa e deixar para trás um r...

  • Marisa Furtado

    Não! Apeteceu-me apenas mudar-lhe o nome e o visua...

  • Pedro

    Por momentos pensei que o blog estaria de saída do...

  • Restaurante A Mexicana

    Sr. Miguel Diniz, obrigado pelo elogio!Quanto ao p...



Pesquisar

  Pesquisar no Blog