Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Atenção mulheres solteiras!

por Marisa Furtado, em 29.07.14

Agora os homens já têm uma desculpa para se fazerem difíceis. Isto traduzido por miúdos quer dizer que agora já se podem armar em cabrõezinhos sem remorsos - se é que esse tipo de homem alguma vez sentiu tal coisa. Porquê? Porque agora há um estudo que defende que assim é que é bom! Que as mulheres gostam é de homens que não mostram qualquer interesse por elas. Não é espectacular? Diz que lhes dá luta. A eles, homens. Já as mulheres, diz o mesmo estudo, têm de ser sempre simpáticas e atentas às necessidades dos homens se quiserem que eles as achem femininas e atraentes. Olhem só que coisa esperta esta! Podem ler sobre este estudo aqui. Quando o li pensei que estava perante um estudo do século passado, ou mesmo do anterior a esse. Mas não, é mesmo uma coisa feita em 2014. O que eu retiro daqui não é a conclusão de que as mulheres querem é bad boys que lhes dão luta. O meu entendimento é que as mulheres estão tão traumatizadas com os bad boys, que estão tão habituadas às relações assim-assim, que quando lhes aparece um homem decente à frente acham logo que ele tem algum problema. Segundo este estudo, um homem simpático, generoso, e atento às necessidades do sexo oposto é visto por algumas de nós como frágil, menos dominante e até, pasmem-se, feminino. Ao que isto chegou senhores!! Vamos lá ver se nos entendemos: a grande maioria das mulheres, sim que há excepções, mas a grande maioria não quer bad boys e homens que se fazem de difíceis e que as deixam ansiosas a olhar para o telemóvel um dia inteiro a arranjar desculpas para o facto de ele ainda não ter respondido à mensagem ou ainda não ter ligado. De certeza que está sem rede, ou está numa reunião há nove horas e ainda não teve tempo para olhar para o telemóvel, ou esqueceu-se do telemóvel em casa ou, pior!, foi assaltado e levaram-lhe o iPhone, coitadinho, que agora está desesperado para falar connosco, de certeza, mas não pode. CHEGA! Ninguém gosta disto. É impossível. Até pode ter graça durante um nanossegundo mas depois é aflitivo. Por isso, mulheres deste meu país, vamos contrariar este estudozeco ridículo e fazê-los ver que o que nós queremos é um homem descomplicadinho que queira, efectivamente, estar connosco, que não se lembre que existimos só quando os apelos da carne se fazem sentir, que não desapareça do nosso mapa, qual eremita, depois de o convidarmos para o almoço de domingo com o resto da família, que não esteja sempre a dizer que ainda está muito traumatizado com o fim da relação anterior, mesmo que a relação anterior tenha terminado há uma vida. Enfim, que não faça com que cada dia seja um dia de coração nas mãos - o nosso - sem saber como vai ser o dia seguinte, se vai continuar a querer estar connosco ou se vai acordar com uma crise existencial e dizer que precisa de tempo só para ele. As mulheres não querem isto. Não querem meninos, crianças, os eternos Peter Pan, que mal sabem o que querem e que têm medo de tudo e mais alguma coisa no que toca a esse monstro de três cabeças que é uma relação. Nós, mulheres, queremos homens resolvidos, que não tenham fantasmas no armário que volta e meia saltam cá para fora, que não estejam sempre a pensar se é mesmo isto que querem ou se é outra coisa qualquer, queremos homens afectuosos, que nos surpreendam - pela positiva, como é lógico - que nos divirtam e com quem consigamos criar 'aquela' cumplicidade, que consegue ser tão irritante para os de fora, mas tão importante e especial para quem a está a viver. Não queremos homens que nos façam viver cada dia em sobressalto. Queremos homens que nos dêem conforto, segurança, enfim que estejam prontos para viver uma relação adulta. E neste conceito não há espaço para bad boys ou homens difíceis.  

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:18



talk to me!

theallengirlblog@gmail.com

Mais sobre mim

foto do autor


passaram por cá



no tumblr

Allen girl

no polyvore

my Polyvore

no pintarest

Pinterest

Follow



Comentários recentes

  • Carla Marques

    E os comentários dos defensores do piropo no Faceb...

  • isabel

    Quem consegue sair de casa e deixar para trás um r...

  • Marisa Furtado

    Não! Apeteceu-me apenas mudar-lhe o nome e o visua...

  • Pedro

    Por momentos pensei que o blog estaria de saída do...

  • Restaurante A Mexicana

    Sr. Miguel Diniz, obrigado pelo elogio!Quanto ao p...



Pesquisar

  Pesquisar no Blog